Mulher de 31 anos perde a vida no Rio Tietê; ela entrou no local para momentos de aventura

Mulher estava na garupa de motoaquática e não resistiu aos ferimentos após batida.

PUBLICIDADE

O Rio Tietê é muito conhecido pela população do estado de São Paulo. Na capital paulista e em algumas cidades do interior, o rio corre totalmente poluído e encontrar qualquer forma de vida naquele ambiente inóspito é praticamente impossível, com raras excessões.

PUBLICIDADE

Uma tragédia ocorreu no último sábado (2), no Rio Tietê, na cidade de Buritama, resultando na morte de uma mulher de 31 anos em decorrência de um acidente envolvendo duas motoaquáticas. O incidente teria acontecido em um condomínio de ranchos na cidade.

Veículos se chocam e mulher morre

A vítima fatal da batida de duas motoaquáticas foi identificada como Raissa Fernanda de Oliveira. A mulher de 31 anos estava na garupa de um dos veículos aquáticos. Segundo relatos do condutor de uma das motoaquáticas, ele admitiu ter ingerido bebida alcoólica, conforme informações divulgadas pelo g1..

Um amigo de Raissa acionou os bombeiros e prestou os primeiros socorros. Ela foi conduzida à Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O piloto da motoaquática também foi socorrido e levado ao hospital, no entanto, não há informações atualizadas sobre o seu estado de saúde.

PUBLICIDADE

Polícia Civil investiga batida

A perícia foi chamada ao local do acidente, e a Polícia Civil está conduzindo as investigações para esclarecer as circunstâncias do ocorrido. O trágico episódio destaca a importância da prudência e responsabilidade ao utilizar veículos aquáticos, especialmente quando há consumo de substâncias que podem comprometer a segurança.