in

Fiocruz destaca queda da SRAG no Sul, Sudeste e Centro-Oeste

Covid-19 responde por 79,4% dos casos virais.

© Tomaz Silva/Agência Brasil

A incidência da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) continuou a cair nos estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste, segundo o Boletim InfoGripe, divulgado hoje (28) pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). O estudo conta com dados que incluem até o dia 23 de julho, encerrando a 29ª semana epidemiológica do ano.

Publicidade

Segundo o boletim, a covid-19 responde por 79,4% dos casos virais de SRAG registrados entre 17 e 23 de julho.

O coordenador do grupo responsável pelo InfoGripe, Marcelo Gomes, destaca que o cenário finalmente é de redução nas internações por covid-19 nas três regiões. “A gente tem um sinal bastante positivo, finalmente, porque a gente tem a confirmação de que a metade sul do país já dá sinais muito claros de que vários estados estão com quedas“.

Publicidade

Os estados dessas regiões vivenciaram aumentos de casos que começaram a partir de abril, enquanto no Norte e no Nordeste o movimento teve início até 2 meses depois. Com isso, o Norte ainda passa por um aumento na incidência da síndrome, enquanto no Nordeste esse movimento já dá sinais de interrupção.

Publicidade

Segundo a Fiocruz, a tendência de crescimento da SRAG se mantém no Amazonas, Amapá, Bahia, Maranhão, Pará, Piauí, Rondônia, Sergipe e Tocantins.

Publicidade

Apesar da queda na metade mais ao sul do país, os estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina ainda apresentam patamar elevado de SRAG em crianças, o que exige cautela.

Ouça na Radioagência Nacional:

 


Publicado em 28/07/2022 – 14:28 Por Vinícius Lisboa – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Edição: Fernando Fraga

Publicidade

Escrito por Agência Brasil

Agência pública de notícias da EBC. Informações sobre política, economia, educação, direitos humanos e outros assuntos.