in

Confusão na casa abandonada: polícia invade imóvel e é surpreendida com Margarida – vídeo

A idosa de 78 anos vive sozinha no imóvel e teria vindo dos Estados Unidos.

REPRODUÇÃO/ BAND

Nesta tarde (20), investigadores cumpriram um mandado de busca e apreensão em São Paulo, onde Margarida Bonetti, apelidada de “A Mulher da Casa Abandonada”, vive. Nas últimas semanas, vários mistérios surgiram acerca do local. Uma janela teve que ser quebrada para ter acesso à propriedade.

Publicidade

A operação faz parte de uma investigação policial para saber se ela sofre de doença mental ou se foi vítima de abandono. Margarida morava nos Estados Unidos, mas voltou ao Brasil após ser acusada de colocar uma empregada em condições análogas à escravidão, no final de 1970 e início dos anos 2000. Desde então, Margarida passou a morar na mansão em Higienópolis, bairro nobre de São Paulo,

Investigadores do 4º Distrito Policial, com peritos, estiveram no local para verificar se era possível apurar o crime nos termos da Lei do Idoso, do Código Penal Brasileiro. Saneamento, estrutura do imóvel e condições sanitárias serão considerados no inquérito.

Publicidade

A área foi isolada somente para o trabalho da polícia. Segundo o portal Uol, Margarida dificultou o trabalho dos policiais e discutiu com os agentes. Um cão aparentemente desnutrido foi resgatado. Outros dois cachorros já haviam sido retirados do local há duas semanas.

Publicidade

De acordo com a Polícia, o local era quase impossível de andar, devido ao grande volume de lixo e objetos espalhados. Margarida saiu da casa após a invasão dos agentes, ela cruzou a varanda até a janela por onde a polícia entrou e, em seguida, voltou para dentro do imóvel e se negou a deixar o local.

Publicidade

Publicidade