in

Após 2 anos, mulher em coma acorda e conta a verdade para a polícia

Ela sofreu uma agressão que a fez entrar em coma, mas acordou para revelar seu agressor.

WV Sheriff's Department | Facebook

Milagrosamente, uma mulher acordou de seu estado de coma, depois de dois anos. Apesar de tudo indicar que Wanda Palmer nunca acordaria, a mulher surpreendeu e, ao acordar, ainda revelou quem era a pessoa que a havia ferido.

Publicidade

Wanda Palmer é uma mulher de 51 anos que, em um dia do mês de junho, no ano 2020, foi brutalmente espancada dentro de sua própria residência. Ela morava sozinha em uma casa no Condado de Jackson, na Virgínia Ocidental (Estados Unidos), e foi encontrada com vida pelas autoridades policiais. Porém seu estado de saúde era muito delicado.

Publicidade

Publicidade

“Quando chegamos lá, para ser honesto, pensamos que ela estava morta”, disse Ross Mellenger, Xerife do local onde o crime aconteceu. Ross ainda contou que, no local, não havia nenhum vestígio que indicasse quem poderia ter cometido tal barbárie contra uma mulher sozinha.

Publicidade

Dois anos em coma após agressão

Segundo o Xerife, não havia testemunha. No celular da vítima, não foram encontradas pista; e na região não existiam filmadoras que pudessem indicar um caminho para a investigação da polícia. Diante disso, não foi possível concluir uma investigação que chegasse ao agressor. A mulher foi encaminhada para o hospital, onde ficou constatado que aconteceram danos cerebrais.

Wanda Palmer estava em coma desde então. Porém, no dia 27 de junho, ela acordou e, apesar da dificuldade na fala, conseguiu contar para a polícia que seu agressor era seu irmão mais velho, Daniel Palmer, de 55 anos. A polícia prendeu o culpado na última sexta-feira, 15 de julho.

Publicidade

Escrito por Tati Jesus

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.