in

No Fantástico, jovem envenenado por madrasta comove ao relatar detalhes: ‘Sabia que tinha algo errado’

A irmã do jovem faleceu há dois meses após passar mal ao ter jantado na casa da madrasta.

Reprodução Globo/Fantástico

O jovem que foi envenenado pela madrasta falou sobre o caso durante uma entrevista concedida ao Fantástico neste último domingo 29 de maio. Adeilson, Cíntia e os filhos que tiveram em outros relacionamentos formavam o que aparentava ser uma família cheia de amor, mas hoje em dia ele chama a ex-companheira de monstro.

Publicidade

O homem perdeu a filha de 22 anos, a jovem Fernanda Dias Cabral, fruto de um outro relacionamento há dois meses. Ela perdeu a vida após ter jantado. A garota foi levada em estado grave ao hospital, onde ficou internada e faleceu 12 dias depois. No atestado de óbito da jovem, a causa do óbito consta como infecção generalizada. Na ocasião, corpo não foi encaminhado ao IML e o assunto até então parecia encerrado.

Contudo, dois meses depois, a família voltou a passar por momentos de desespero. Bruno, irmão da jovem que morreu, almoçou na casa do pai e de Cíntia. Algumas horas depois, ele apresentou os mesmos sintomas de Fernanda quando passou mal. O rapaz mora com a mãe e disse que desconfiou do feijão oferecido durante o almoço.

Publicidade

O jovem contou que somente ele foi servido pela madrasta e percebeu que tinha pedrinhas pequenas azuladas no alimento. “Quando ela ficou toda nervosa, desesperada, pegando meu prato, eu já sabia que tinha algo errado. Ela pegou meu prato, retirou as bolinhas que eu cheguei a separar e botou mais feijão”, relatou.

Publicidade

Bruno não chegou a comer muito e depois foi para casa e começou a se sentir mal. Ao notar que os sintomas eram os mesmos que a filha apresentou antes de falecer, Jane, a mãe do rapaz entrou em pânico. A mulher disse que foi quando entendeu o que havia acontecido com a filha. A madrasta teria admitido ao filho ter colocado chumbinho no feijão do enteado.

Publicidade
Publicidade