in

Ex-morador de rua tem perfil reativado no Instagram e comemora: ‘Estou de volta’

A conta foi excluída em razão das inúmeras denúncias de outros usuários, afirma o advogado do caso.

Divulgação / Instagram

Nesta quarta-feira (11), o perfil de Givaldo Alves, ex-morador de rua, foi reativado no Instagram. No dia 16 de abril, a plataforma excluiu a conta pessoal do ex necessitado sem dar satisfação. Desta forma, o advogado de Givaldo ajuizou uma ação judicial com a finalidade de reativar o perfil de seu cliente.

Publicidade

Neste mesmo sentido, relata o advogado, Sr. Rafael Souza, que os motivos que levaram a plataforma a excluir o perfil de Givaldo foi devido a inúmeras denúncias por parte dos outros usuários. Afirma, ainda, que vários internautas montaram grupos em outras redes sociais com o intuito de mobilizar o público para realizar as denúncias.

Com a retomada da conta, Givaldo Alves realizou uma publicação festejando e agradecendo ao público a força e as mensagens de carinho que recebeu nesse tempo em que ficou off-line. Publicou ainda: “Mendigão na área e estou de volta”.

Publicidade

Atualmente, o perfil do ex-morador de rua apresenta nove fotos e expõe a vida e a rotina de Givaldo, que virou influenciador digital. A conta possui cerca de 472 mil seguidores e, no período de suspensão, perdeu cerca de 5 mil seguidores.

Publicidade

Fãs do ex-morador de rua relatam que a derrubada do perfil se deu em razão da discussão que ocorreu entre Givaldo e a advogada da viúva de MC Kelvin, Deolane Bezerra. A briga entre os dois iniciou nas redes sociais e terminou na delegacia. Segundo Rafael Souza, advogado de Givaldo, mesmo com a retomada do perfil, ele vai dar continuidade ao processo, pois querem saber os motivos que levaram à exclusão e pedem uma indenização no valor de R$ 6 mil.

Publicidade

Publicidade