in

Atendente do McDonald’s é baleado por bombeiro por cupom e estado de saúde é divulgado; perdeu um dos rins

Imagens da câmera de segurança registrou momento em que atendente do McDonald’s foi baleado em discussão por desconto.

Reprodução/G1

O atendente de uma unidade do McDonald’s, Mateus Domingues Carvalho, de 21 anos, foi baleado por um cliente durante o seu turno de trabalho, na madrugada desta última segunda-feira (9). De acordo com testemunhas que estavam no local, a discussão começou por causa de um cupom de desconto. A investigação está sendo realizada pela polícia.

Publicidade

A confusão aconteceu em uma unidade da rede de fastfood localizada na Taquara, na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. Antes de ser atingido por um tiro, disparado por um cliente, que é bombeiro, Mateus foi agredido. Após o episódio, foi encaminhado para atendimento no Hospital Lourenço Jorge, que fica na Barra da Tijuca.

Atendente do McDonald’s é baleado

A agressão e o disparo aconteceram por volta das 2h em uma das unidades do McDonald’s do Rio de Janeiro, que fica na Estrada dos Bandeirantes na altura do quilômetro 544. Segundo os colegas de trabalho dele, o cliente fez um pedido através do drive-thru, porém, só informou sobre um cupom de desconto depois. O atendente tentou lhe explicar que isso deveria ter sido informado no início da compra.

Publicidade

O homem não gostou da resposta de Mateus, saiu do carro, destruiu uma proteção de acrílico e deu um soco no rosto do funcionário. Após a agressão, entrou na loja e executou o disparo.

Publicidade

Atendente baleado por bombeiro perdeu um rim

Segundo informações repassadas pela família, Mateus perdeu o rim esquerdo e o quadro de saúde dele era estável até o início da manhã desta terça-feira (10).

Publicidade

Bombeiro baleou atendente do McDonald’s

O sargento que baleou o atendente é Paulo César de Souza Albuquerque, que se apresentou na 32ª Delegacia de Polícia de Taquara. Ele prestou depoimento e foi liberado, após a justiça negar o pedido de prisão. Segundo a defesa dele, o disparo foi acidental, alegando que se ele quisesse mesmo atirar, teria entrado no estabelecimento atirando.

Publicidade

Escrito por Nado C.

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 10 anos, trabalho também como redator há cerca de 4 anos, o que fez despertar uma nova paixão e hoje também sou graduado em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .