in

Médico acusado de vender anabolizantes ilegais é preso no interior de SP

Medicamentos foram encontrados no consultório do especialista e apreendidos pela Polícia Civil.

Reprodução Engeplus

Um médico foi preso nesta segunda-feira (09/05), em Franca (SP), cidade a cerca de 400 quilômetros da capital paulista. O endocrinologista é suspeito de vender anabolizantes ilegais no próprio laboratório. O caso está sendo investigado.

Publicidade

De acordo com informações da Polícia Civil, a denúncia partiu de um paciente que solicitou o uso de anabolizantes, que foram comprados, porém, como percebeu que os mesmos não produziram os resultados esperados no corpo, decidiu procurar a fabricante. Ele foi informado que parte do lote tinha sido retirado do mercado e outra havia sido roubada no estabelecimento.

Diante da situação, o paciente também entrou em contato com a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), em Brasília, e o caso foi repassado para a Anvisa em São Paulo (SP). A Polícia Civil tomou conhecimento e deu início às investigações e, de posse do mandado de busca e apreensão, localizou os produtos no laboratório do médico.

Publicidade

De acordo com os investigadores, os anabolizantes não tinham nota fiscal ou qualquer tipo de registro legal. Também foram encontradas amostras do mesmo tipo de medicamento, que não possui autorização da Anvisa para uso no Brasil.

Publicidade

O médico foi conduzido à CPJ (Central de Polícia Judiciária), onde, acompanhado de um advogado, prestou depoimento e negou as acusações. Conforme apurado pela EPTV, afiliada da TV Globo, ele disse ao delegado que parte dos produtos foram comprados no Paraguai, mas não informou a identidade do vendedor.

Publicidade

Ele vai passar, nesta terça-feira (10), por uma audiência de custódia e responde por crime contra a saúde pública.

Publicidade