in

‘Eu achei, sim, que era meu marido’; afirma esposa de personal trainer sobre o morador de rua

Sandra Mara falou pela primeira vez sobre o episódio com o morador de rua de Planaltina.

REPRODUÇÃO METRÓPOLES E SBT

A empresária Sandra Mara falou nessa quinta-feira (28/04) pela primeira vez sobre o episódio que fez sua vida virar do avesso. Na noite do dia 9 de março, Sandra foi flagrada por seu marido, o personal trainer Eduardo Alves, tendo relação sexual com um sem-teto dentro de seu carro. Eduardo usou sua força física para tirar o morador de rua do veículo e o espancou.

Publicidade

Durante a repercussão do caso nas redes sociais, o morador de rua Givaldo Alves ganhou fama nas redes sociais enquanto Sandra Mara passou cerca de um mês e meio internada em um hospital psiquiátrico. Nesse período, a equipe médica atestou que ela passou por um surto psicótico e a empresária foi diagnosticada com transtorno afetivo bipolar e terá que tomar mediação para o resto de sua vida para não correr o risco de sofrer um novo surto.

Em uma entrevista para o SBT, o repórter perguntou para Sandra como ela se sentiu ao ver que na internet ela foi tratada como uma pessoa promíscua e adúltera. “Eu me senti totalmente dilacerada. Eu não esperava que tomasse a proporção que tomou. Me senti humilhada pela sociedade e eu não aceito o que falaram sobre mim. Eu não aceito porque não é a Sandra. Eu não sou essa mulher. Eu não traí o meu marido. Eu não escolhi passar por um surto. Porque, o ato em si, eu não conhecia aquele homem. Eu achei, sim, que era o meu marido. Então, o que aconteceu, era com o meu marido. E isso as pessoas não acreditam ou não querem acreditar“, disse Sandra Mara.

Publicidade

A empresária garantiu ainda que tomou medidas judiciais para que Givaldo não volte a expor publicamente, como ele fez em algumas entrevistas.

Publicidade

Sandra disse ainda que vem tentando reconstruir a vida, ao lado de sua filha e de seu marido, que a defendeu durante todo o período em que ela esteve internada.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com