in

Bebê de 11 meses é encontrado sem vida após segurar em cabo de extensão, em Goiás

A criança estava na casa com a avó e a mãe, que ficou estado de choque após o acidente.

REPRODUÇÃO/ SPTC-GO/ PIQSELS

Um menino de 11 meses morreu após segurar o cabo elétrico de uma extensão dentro de casa, em Niquelândia, no norte de Goiás. O acidente doméstico aconteceu na terça-feira (19). O bebê estava na residência com a mãe, de 17 anos, e a avó, de 52 anos. Para a polícia civil, disseram que o menino morreu ao segurar o fio de extensão, levando um choque.

Publicidade

Segundo Cássio Arantes Nascimento, delegado responsável pelo caso, o bebê foi levado para o Hospital de Santa Efigência, mas já estava sem vida quando deu entrada no local. Uma investigação foi iniciada para descobrir se os membros da família agiram de forma imprudente ou negligente em relação à criança.

Segundo a avó, o neto estava ouvindo música em seu celular na cozinha, e ela preparava a janta. Em pouco tempo, a mulher pediu que a mãe do bebê o pegasse e o levasse para o quarto, para que ele pudesse ouvir músicas na cama. No entanto, depois que o bebê foi colocado na cama, a mãe saiu do quarto.

Publicidade

O delegado disse que a criança teria saído do local sozinha e caminhado novamente para a cozinha. Pouco depois, o bebê foi encontrado inconsciente nos degraus entre a cozinha e a sala, com a mão segurando o fio de uma extensão.

Publicidade

A polícia ouviu o depoimento da avó da criança. Já a mãe, ainda deverá ser ouvida, visto que, na oitiva, estava em estado de choque. A polícia disse que respeitaria o período de luto da família. O corpo do menino foi analisado por legistas da Polícia Técnica e Científica (SPTC), mas o laudo não havia sido divulgado até esta quarta-feira (20).

Publicidade

Publicidade