in

Caso Flordelis: condenados os quatro réus que foram a júri; filho acusa a mãe pela primeira vez

Julgamento do caso do pastor Anderson do Carmo durou mais de 21 horas e terminou com quatro condenados.

REPRODUÇÃO/G1

O julgamento do caso Flordelis e do pastor Anderson do Carmo havia começado nesta última terça-feira (12). O depoimento perdurou por mais de 21 horas e terminou somente na manhã desta quarta-feira (13), saindo condenado quatro dos cinco réus que foram a júri. Um deles teve o adiamento do processo, pois o advogado passou mal.

Publicidade

O depoimento terminou com os quatro réus condenados pelo envolvimento com o crime que chocou o país no dia 16 de junho de 2019, quando o pastor recebeu 30 tiros ao voltar de um passeio com a esposa.

Condenados os quatro réus do caso Flordelis e pastor Anderson

O filho afetivo da ex-deputada federal, Carlos Ubiraci, foi absolvido do homicídio triplamente qualificado, mas condenado por associação criminosa. A pena dele é de dois anos e dois meses em regime semiaberto. O filho biológico, Adriano dos Santos, recebeu a condenação de quatro anos e seis meses em regime semiaberto por uso de documento falso e associação criminosa.

Publicidade

Marcos Siqueira, ex-policial militar investigado por ter se envolvido no caso, recebeu uma pena de cinco anos e 20 dias em regime fechado. A esposa dele, Andrea Santos, que tinha passagens pela polícia, recebeu a condenação de quatro anos e três meses em regime semiaberto. Ela já tinha cinco passagens em outras ocasiões pela polícia.

Publicidade

Filho de Flordelis acusa a mãe pela primeira vez

O filho da ex-deputada federal, Carlos Ubiraci, a acusou pela primeira vez pelo assassinato de Anderson. Ele era réu do crime, mas nega qualquer relação com a execução, apesar de ter sido condenado. Ao falar sobre a mãe, o rapaz disse que “acredita, sim”, que ele teve participação direta no caso, de acordo com informações repassadas pelo O Globo.

Publicidade

Segundo consta nas investigações, a pastora é apontada como a mandante do assassinato do marido, executado com 30 tiros. Ela terá o julgamento no dia 9 de maio, juntamente com duas filhas e uma neta.

Publicidade

Escrito por Nado C.

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 10 anos, trabalho também como redator há cerca de 4 anos, o que fez despertar uma nova paixão e hoje também sou graduado em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .