IML interrompe velório de influenciadora digital e retira corpo na frente de familiares

Corpo de influenciadora foi retirado de velório pelo IML para exame de necropsia após denúncia.

PUBLICIDADE

O caso do falecimento de uma influenciadora digital tem um detalhe que deixou o momento de dor da família ainda maior. A Polícia Civil está investigando o caso do óbito da mulher e, para tanto, o Instituto Médico Legal interrompeu o velório dela e levou o corpo na frente dos familiares para exames de necropsia.

PUBLICIDADE

O falecimento de Ellen Jacqueline, de 39 anos, aconteceu em um hotel de Londrina, no norte do Paraná, na última segunda-feira (28). Segundo o IML, após uma denúncia anônima, o óbito não teria sido de causa natural. Para dar prosseguimento às investigações, o corpo foi retirado da Capela Mortuária do Parque Jamaica.

Corpo de influenciadora é levado de IML

“Nós fomos acionados para fazer a remoção de um corpo em um local diferente do habitual, que foi um velório. Era para interromper um velório e recolher o corpo”, falou a chefe do IML, Cristiane de Souza Batilana.

De acordo com Hernandes Alves, delegado que está cuidando do caso, o corpo de Ellen precisou ser levado para realizar os exames necessários a fim de apurar as causas do óbito.

Laudos preliminares do IML não apontam causa de óbito violento, portanto,  impossível afirmar de imediato qual seria a causa. Os materiais coletados já foram encaminhados para a realização do laudo pericial.

PUBLICIDADE

A irmã da influenciadora informou em uma postagem na rede social que Ellen perdeu a vida por conta de um aneurisma cerebral, mas que exames preliminares do IML não confirmaram. Porém, outros exames já foram realizados para apontar todos os resultados. O portal G1 entrou em contato com a família, mas um amigo informou que no momento eles não querem se manifestar.