in

Morador de rua faz vídeo pedindo desculpas para Sandra e todas as mulheres: ‘Ruim com ela, muito pior sem ela’

Givaldo Alves se arrependeu de ter exposto publicamente o que fez com Sandra naquela noite.

FOTO: REPRODUÇÃO/YOUTUBE

A novela envolvendo o morador de rua, Givaldo Alves, e a empresária Sandra Mara, que foram flagrados tendo relação sexual pelo personal trainer Eduardo Alves (marido de Sandra), ganhou novos capítulos nos últimos dias. O episódio, que repercutiu em todo o Brasil, teve início na noite do dia 9 de março, na cidade de Planaltina, no Distrito Federal.

Publicidade

O Hospital Universitário de Brasília revelou que Sandra foi diagnosticada com fase maníaca psicótica do transtorno bipolar. O marido de Sandra já tinha a defendido anteriormente, dizendo que a mesma teve um surto psicótico. Em suas entrevistas, Eduardo Alves continuou batendo na tecla de que a esposa foi abusada sexualmente pelo morador de rua.

Já Givaldo Alves chegou a expor publicamente tudo aquilo que fez com Sandra dentro do carro. O morador de rua garantiu que a relação foi consensual e deu os detalhes mais explícitos da relação.

Publicidade

Givaldo, no entanto, parece ter se arrependido de ter exposto Sandra da maneira que expôs. O sem-teto voltou a dar uma entrevista, desta vez para o político Ricardo Caiafa, e começou o seu depoimento pedindo desculpas para Sandra e também para todas as mulheres.

Publicidade

O morador de rua enalteceu a importância das mulheres em sua vida: “Eu sei pela parte que me toca que delas viemos, para elas vivemos, com elas sofremos, e depois morremos“, disse Givaldo de maneira poética. “Se for ruim com ela, vai ser muito pior sem ela”, completou o sem-teto.

Publicidade

Givaldo continuou o seu depoimento dizendo que se sente muito envergonhado por sua postura e pediu perdão também para as mulheres que compõe a sua família, como a sua mãe.

Na entrevista completa, que você pode ver acima, Givaldo falou também sobre alguns hobbies que possui, como o de tocar violão.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com