in

Caso Lara: ex-namorado da avó da menina quer falar com a polícia; pai da vítima deve quase R$ 4 mil pra ele

Lunga conversou com equipe de reportagem da Record TV e falou sobre a dívida de Reginaldo com ele.

Reprodução Record TV

A morte de Lara Maria Oliveira Nascimento, de apenas 12 anos, segue sendo investigada pela Polícia Civil de São Paulo. A menina desapareceu em Campo Limpo Paulista, região metropolitana de Jundiaí, no dia 16. Três dias depois o corpo dela foi encontrado em região de mata de Francisco Morato.

Publicidade

No dia 16, Lara saiu de casa por volta das 13h para ir comprar refrigerante em um mercado do bairro. No local, ela escolheu a bebida, pagou, saiu e não foi mais vista. A Delegacia de Investigações Gerais de Jundiaí está investigando o desaparecimento e morte da menina.

Lara morava com os pais e as irmãs. Após o falecimento, muito se tem falado sobre a investigação. A reportagem da Record TV conversou com Luiz, o Lunga, ex-namorado da avó materna de Lara. O pai de Lara, Reginaldo, tem uma dívida de R$ 3,9 mil com o homem.

Publicidade

Esta dívida teria sido feita após Lunga trabalhar por 43 dias na casa de Reginaldo. O pai de Lara tem feito pagamentos de R$ 200 a R$ 300 mensais. Na conversa com a reportagem do jornalístico Cidade Alerta, Lunga demonstrou ser uma pessoa muito simples e negou qualquer envolvimento no crime.

Publicidade

Ele também disse que nunca ameaçou ninguém de morte. A ex-namorada o acusa de ter quebrado a casa dela. Lunga diz que foi agredido primeiro. Ele também se colocou à disposição para falar com a Polícia Civil, que tem ouvido testemunhas. Os investigadores têm um suspeito, com nome e endereço, mas detalhes não são revelados, porque o caso corre em segredo de Justiça e cada linha de investigação é importante para resolver o caso.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!