in

Caso Lara: substância encontrada no corpo da menina passa por análise

Polícia Civil quer saber se material foi jogado no corpo da garota de 12 anos encontrada morta no sábado (19).

Arquivo pessoal família nascimento

Lara Maria Oliveira Nascimento é a menina de 12 anos que foi morta na semana passada. A adolescente saiu de casa na quarta-feira (17), no horário do almoço, para comprar refrigerante em um mercado localizado a 600 metros da casa dela, em Campo Limpo Paulista.

Publicidade

O corpo foi encontrado três dias depois em uma região de matagal de Francisco Morato, cidade vizinha a Campo Limpo Paulista. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) da cidade de Jundiaí está conduzindo a investigação do caso que tem repercutido nacionalmente.

O delegado Rafael Diório, que está à frente das investigações, afirmou que a polícia está tentando identificar a substância encontrada no corpo da menina. O objetivo é saber se ela já estava com o material no corpo ou se foi jogado sobre a menina para diminuir o odor ou localização. A análise do material foi solicitada.

Publicidade

Morte de Lara choca Campo Limpo Paulista

A menina de 12 anos morava com os pais e as irmãs. Lara estudava pela manhã e ficava em casa durante à tarde. A adolescente era muito apegada à família. O corpo dela foi encontrado três dias do desaparecimento e havia marcas de pancada na cabeça.

Publicidade

O laudo do IML confirmou que ela faleceu em decorrência de traumatismo craniano. O objetivo é descobrir agora quem foi o autor do crime. Nesta quarta-feira, foi divulgado que a polícia tem um suspeito. O caso corre em segredo de Justiça. Por este motivo não foram revelados mais detalhes. Os pais, familiares, vizinhos e amigos clamam por justiça e querem o assassinado atrás das grades.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!