in

Após acidente de avião com 132 pessoas, governo chinês dá a pior das notícias: ‘não encontraram sobreviventes’

Centenas de profissionais de resgate foram chamados até o local pelo governo.

YICAI GLOBAL/G1/DCI/MONTAGEM

Na última segunda-feira (21/03), um avião da companhia aérea China Eastern Airlines acabou caindo em uma região montanhosa do país. A aeronave levava 132 pessoas, sendo nove tripulantes e o restante passageiros.

Publicidade

O avião era um Boeing 737, que perdeu o contato com a torre de comando quando sobrevoava Guangxi. Nesta terça-feira (22/03), o governo chinês emitiu um comunicado com uma triste notícia para a imprensa.

O diretor do Departamento de Segurança da Aviação Civil, Zhu Tao, informou que as equipes de bombeiros que continuam trabalhando no local onde o acidente aconteceu não conseguiram achar nenhuma pessoa com vida.

Publicidade

Até agora, as equipes de busca e resgate não encontraram sobreviventes“, disse Zhu Tao. Centenas de bombeiros foram acionados pelo governo chinês para se deslocarem ao local onde o avião caiu para prestar ajuda.

Publicidade

A operação se tornou difícil aos socorristas por conta do complicado acesso ao local por ter uma região montanhosa e com muitas árvores no caminho. Depois que o avião caiu, um grande incêndio se iniciou. A população do lugar se aproximou para tentar apagar o fogo.

Publicidade

Moradores da região registraram como ficou a aeronave após o acidente. Destroços do transporte aéreo podiam ser vistos por várias partes e muita fumaça subia. Os bombeiros ainda trabalham no local.

Até o fechamento desta matéria, a identidade das vítimas do acidente não haviam sido divulgadas. Sabe-se, entretanto, de acordo com a mídia internacional, que todos os que estavam a bordo do Boing eram chineses.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.