in

Personal trainer que agrediu morador de rua ao flagrá-lo com sua esposa diz: ‘Meu casamento continua’

Eduardo Alves reconhece que surtou ao ver a esposa com o morador de rua, mas esclarece que tomou tal atitude para preservar a vida da amada.

Serra Noticiário/Divulgação - Metrópoles/Reprodução

Eduardo Alves, de 31 anos, personal trainer que flagrou a esposa, de 33 anos, dentro de um veículo estacionado com um morador de rua, afirmou que o seu casamento continua. Ao ver dele, a esposa teve um surto e, no momento do ocorrido, “estava em transe”.

Publicidade

“Meu casamento continua”, esclareceu o personal traine, ressaltando conhecer a pessoa com quem ele conviveu e ainda convive, no caso. Ele voltou a destacar estar com a companheira há três anos, por isso, diz não ser da índole dela o que aconteceu. As declarações foram feitas por Eduardo para o portal Metropóles.

Câmeras de segurança filmaram o momento em que Eduardo se aproxima do carro e, ao perceber que se trata da esposa, começa a agredir o morador de rua.

Publicidade

No início da entrevista, Eduardo chegou a afirmar que não era o momento certo para falar sobre o seu matrimônio, no entanto, ao final da conversa ele declarou que o seu relacionamento continua. O personal afirmou ser o momento de ele amparar a companheira, tendo em vista que ele tem confiança nela.

Publicidade

Segundo relatos, no dia do incidente, Eduardo chegou a combinar com a esposa de sair com os filhos, mas ela não compareceu. Estranhando a demora da parceira, ele saiu rumo ao último local que ele sabia que a esposa havia ido. Chegando lá, ele se deparou com o veículo estacionado e, ao se aproximar, viu a companheira e o morador de rua “pelados”.

Publicidade

Ao comentar sobre o ocorrido, o personal reconhece ter surtado ao ver a cena, mas destaca que a sua atitude foi tomada no intuito de preservar a vida da companheira, já que ele pensou que ela estava sendo vítima de algum tipo de violência sexual.

Publicidade