in

‘Vou apanhar feliz’ e ‘não é a primeira vez’, teria dito morador de rua ao ser pego com mulher casada

Rapaz foi espancado por marido da mulher com quem se relacionava em um carro.

Divulgação / serranoticiario

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga um caso de agressão a um morador de rua ocorrido em Planaltina. O caso está repercutindo nas redes sociais nos últimos dias. Uma mulher casada, identificada apenas como Sandra, de 33 anos, se relacionou com um morador em situação de rua de 48 anos dentro de seu carro.

Publicidade

O marido, o personal trainer Eduardo Alves, de 31, flagrou o encontro da esposa com o morador de rua, achou que se tratava de um estupro e agrediu o homem. Eduardo foi encaminhado à delegacia. O morador de rua, cuja identidade não foi revelada, foi ao hospital com hematomas pelo corpo.

Eduardo usou as redes sociais depois do ocorrido para informar que a esposa havia sido internada para tratar de problemas psicológicos. Ao UOL, o personal informou que confia no trabalho da polícia e segue acreditando que a esposa foi abusada.

Publicidade

Áudio de suposta amiga expõe reação do morador de rua

Circula pelas redes sociais um áudio atribuído a uma amiga de Sandra. A mulher, que não revela a sua identidade na mensagem, conta os detalhes do que teria ocorrido. Chama a atenção a frase que morador de rua teria dito para Eduardo momentos antes de apanhar.

Publicidade

Publicidade

“Pode bater que eu vou apanhar feliz”, teria dito o morador de rua ao ser abordado. “Não é a primeira vez que eu saio com ela”, também teria falado o homem. A mulher teria saído de casa acompanhada da sogra para fazer ações de caridade quando se encontrou com o homem de 48 anos. Os dois foram flagrados pelo marido, que saiu à procura da esposa, sem roupa dentro do carro.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!