in

Agente da PF que ficou conhecido como ‘hipster da federal’ falece aos 36 anos

Policial Federal que ficou conhecido como hipster da federal morre aos 36 anos

Reprodução G1

Morreu durante a madrugada desta quinta-feira, 3 de março, o policial federal Lucas Soares Dantas Valença. O rapaz tinha 36 anos de idade e ganhou notoriedade na mídia como hipster da Federal. A morte aconteceu em Buritinópolis, no centro de Goiás. Ele foi assassinado após ter invadido uma residência localizada na zona rural.

Publicidade

O hipster da Federal foi baleado pelo morador da residência, de acordo com a informação divulgada pela Polícia Civil. Adriano Jaime, o delegado responsável pela investigação, explicou que o morador da residência foi preso por posse irregular de arma de fogo. No entanto, ele pagou o valor da fiança e vai aguardar o processo de apuração do caso em liberdade.

Entenda o caso

Amigos e parentes de Lucas Soares, o hipster da Federal, disseram aos policiais que o rapaz estava em surto psicótico desde o dia anterior, de acordo com o que foi informado no boletim de ocorrência. Antes de invadir a casa, Lucas teria gritado do lado de fora afirmando que havia um demônio no local.

Publicidade

Dentro da residência, estava o dono, a filhinha de três anos e a esposa. Segundo o relatado pelo morador, ele escutou barulhos de gente ao redor da casa e muitos gritos com xingamentos. Foi quando o Lucas desligou o disjuntor de energia e invadiu o local arrobando a porta da sala. Com medo e diante da escuridão, o dono da casa acabou atirando no policial usando a sua espingarda. O tiro atingiu o abdômen e o homem explicou aos policiais que agiu em legítima defesa.

Publicidade

“Como as circunstâncias do fato indicam que o autor agiu em legítima defesa, estava dentro da sua casa e defendendo a família, optamos por continuar as investigações somente por meio de inquérito”, afirmou o delegado. O dono da residência afirmou que quando atirou não tinha noção de quem era o invasor.

Publicidade

Depois que religou a energia e viu o invasor baleado ele acionou a polícia e ambulância. Quando os socorristas chegaram puderam apenas constatar a morte do policial.

Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.