in

Herói: motociclista salva idosa de atropelamento segundos antes do bonde passar; vídeo

Ao parar em um semáforo, o motociclista notou a idosa no trilho e deixou sua moto para salva-la.

REPRODUÇÃO SBT NEWS

Na tarde da última terça-feira (22/02), um motociclista salvou uma idosa de 77 anos, após quase ser atropelada por um VLT, ao cruzar uma linha férrea no bairro Poço, em Maceió. Apesar de estar assustada, ela estava ilesa e em boas condições.

Publicidade

Imagens de vigilância de uma loja mostram o motociclista pulando de sua moto e puxando a aposentada, identificada como Rute Acioli, quando percebeu a aproximação do VLT. Rute veio caminhando, calmamente, pela ferrovia, sem perceber a passagem do bonde. Ela conta que não ouviu os bipes que alertavam a passagem do trem e então parou, no meio dos trilhos, na espera do semáforo abrir.

Ao puxar a idosa para fora dos trilhos, os dois acabaram caindo no chão. Logo depois, alguém apareceu e os ajudou a se levantar. “Não vi o trem, só vi a queda. O menino me pegou e me jogou no chão”, disse Rute, que vive sozinha perto de onde foi resgatada. Um dia depois, o motorista que salvou a mulher foi localizado, Nadilson Silva, de 33 anos.

Publicidade

O rapaz recebeu uma homenagem de uma equipe do Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), onde trabalha como auxiliar de serviços gerais. Nadilson explicou que, quando parou no semáforo vermelho, ouviu uma mulher gritando de dentro do carro ao lado. Quando olhou para o lado, notou a idosa na linha férrea. Nadilson se emocionou e agradeceu todo o carinho que recebeu de seus amigos, profissionais e de toda a equipe do hospital. 

Publicidade

E nota, a CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos) informou que o bonde no trecho tinha velocidade máxima de 20km/h, e o motorista desacelerou ainda mais ao ver a idosa. A CBTU ressaltou que os pedestres precisam ter cuidado ao cruzar a linha férrea, pois o VLT não pode frear bruscamente.

Publicidade
Publicidade