in

Homem deficiente manda mensagem para a esposa e perde a vida em ônibus alagado em Petrópolis

Irmão foi ao Instituto Médico Legal tentar a liberação do corpo na manhã desta quarta-feira (16).

Reprodução Globo

Rafael tinha 42 anos e estava em um ônibus na rua Coronel Veiga, em Petrópolis, na noite de terça-feira (15). O ponto é conhecido pelos alagamentos quando chove na cidade da Região Serrana do Rio de Janeiro. Na noite de ontem, choveu muito.

Publicidade

De dentro do coletivo, Rafael pegou o celular e enviou mensagem para a esposa. Deficiente físico, ele sofreu um acidente há mais de uma década que o fez perder a perna esquerda. Na mensagem, Rafael dizia que o nível do rio estava subindo, mas tudo parecia estar sob controle.

Como estava perto de casa, a esposa esperava que ele fosse chegar bem logo em seguida. Não foi o que aconteceu. A água subiu rápido demais, o ônibus foi levado pela correnteza. Deficiente, Rafael não conseguiu sair e teve a morte confirmada. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal. O irmão dele, Felipe, foi ao local e aguarda a liberação.

Publicidade

Número de mortos em Petrópolis passa de 60

A última atualização do Corpo de Bombeiros e da prefeitura aponta que 67 pessoas morreram em decorrência das chuvas em Petrópolis. Casas ficaram destruídas e há muitas pessoas soterradas. Os bombeiros não estimam quantas pessoas estão desaparecidas, mas pode estar na casa das centenas.

Publicidade

Em algumas regiões, familiares e amigos ajudam nas buscas como podem. Muitos voluntários estão atuando ao lado do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil. As identidades das muitas vítimas ainda não foram reveladas. Neste momento triste, pessoas sofreram com arrastões no centro da cidade. Criminosos se aproveitaram do caos para furtar na região.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!