Petrópolis: carros submersos, ruas destruídas e casas alagadas; imagens retratam cenário de destruição

Forte chuva provocou o deslizamento de morros e o alagamento de diversas áreas de Petrópolis.

PUBLICIDADE

Na tarde desta terça-feira (15), a cidade de Petrópolis, Região Serrana do Rio de Janeiro, foi atingida por um forte temporal que provocou o deslizamento de morros, a lama invadiu ruas, casas e provocou até o momento a perda de 35 vidas.

PUBLICIDADE

O centro do município ficou inundado e os corpos começaram a aparecer depois que o rio começou a baixar. Houve ainda um grande deslizamento no Morro da Oficina, que fica no bairro Alto da Serra. Nesse local pelo menos 80 residências foram atingidas pela lama que desabou.

“Estamos passando por uma situação de extrema gravidade e direcionamos todos os esforços para garantir o socorro da população”, disse o prefeito Rubens Bomtempo. Imagens mostram o cenário de destruição causado pela forte chuva. Carros submersos, ruas destruídas e casas alagadas retratam o quão grave está a situação.

Chuva em Petrópolis

PUBLICIDADE

A prefeitura de Petrópolis decretou estado de calamidade pública, informando ainda que as equipes hospitalares foram reforçadas para poder prestar atendimento às vítimas, que ainda segue indefinido o número de feridos.

No final da tarde de terça-feira, uma forte correnteza de água e lama arrastou carros, pedestres e comerciantes que estavam nas ruas. As vítimas foram resgatadas com a ajuda do Corpo de Bombeiros e o Batalhão de Choque, que foi acionado para ajudar com a mobilização.

Temporal em Petrópolis

Não somente o Morro da Oficina deslizou, o temporal também provocou queda de barreiras em outros pontos da cidade. Até o momento não tem nenhuma informação sobre o número total de vítimas que estão soterradas.