in

Covid-19: Rio estuda aplicação da segunda dose de reforço de vacina

DR2 já é realidade para pessoas com alto grau de imunosupressão.

© Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro (SMS) avalia a possibilidade de aplicar a segunda dose de reforço das vacinas contra a covid-19 um ano após a primeira dose de reforço. A informação foi dada pelo secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, a um podcast e confirmada pela assessoria de imprensa da SMS.

Publicidade

No caso de quem tomou as vacinas CoronaVac, Pfizer e AstraZeneca no esquema inicial, de duas doses, a primeira dose de reforço é a terceira dose, e a segunda seria a quarta. Já para quem tomou o imunizante da Janssen, que é de dose única no esquema inicial, a segunda dose de reforço seria a terceira.

Segundo a secretaria, a segunda dose de reforço (DR2) já é uma realidade no município do Rio de Janeiro desde 27 de dezembro de 2021, seguindo a recomendação do Ministério da Saúde, para pessoas com alto grau de imunossupressão.

Publicidade

“Para a população em geral, a Secretaria Municipal de Saúde avalia aplicar a DR2 um ano após o recebimento da dose de reforço (DR), ou seja, da terceira dose”, explicou a SMS.

Publicidade

Na última segunda-feira, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse que o tema tem sido discutido pela área técnica da pasta, mas não há previsão de aplicação de quarta dose para toda a população no Brasil.

Publicidade

“A secretária Rosana [Leite de Melo, secretária extraordinária de Enfrentamento à Covid do Ministério da Saúde] conversou comigo na sexta-feira passada e disse que o grupo técnico, nesse momento, não avalia aplicar a quarta dose. Mas, na prática, seria a dose de 2022. O que nós temos são doses para garantir que as necessárias, recomendadas pelos técnicos, sejam disponibilizadas para a população brasileira”, disse o ministro. 


Publicado em 10/02/2022 – 17:32 Por Vinícius Lisboa – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro


Edição: Nádia Franco

Publicidade

Escrito por Agência Brasil

Agência pública de notícias da EBC. Informações sobre política, economia, educação, direitos humanos e outros assuntos.