in

Mulher perde a vida após cair de lancha e ser atingida pelas hélices; braço foi encontrado boiando

O companheiro da vítima havia publicado fotos da família algumas horas antes.

jornaldebrasilia/R7/Montagem

Na manhã desta terça-feira (01/02), a equipe de socorristas do Distrito Federal encontrou o braço de uma mulher que faleceu no último final de semana após ser ferida enquanto fazia um passeio de lancha em um lago conhecido da cidade.

Publicidade

A vítima foi identificada como Deysivânia Costa do Rego de Paula e tinha 36 anos. Até onde se sabe, a mulher teria se desequilibrado em cima da lancha, caído da água e sido atingida pelas hélices da embarcação no lado Paranoá.

O triste episódio aconteceu no último sábado (29/01). Depois do incidente, Deysivânia  foi encaminhada às pressas para uma unidade de saúde local, mas devido aos gravíssimos ferimentos que sofreu, não conseguiu resistir, indo a óbito no dia seguinte.

Publicidade

Deysivânia foi encontrada com um braço decepado e os socorristas do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) continuaram fazendo as buscas pelo membro da vítima, até que encontraram 3 dias depois do acidente.

Publicidade

De acordo com a equipe, o braço da mulher estava boiando próximo ao Pontão do Lago Sul. Deysivânia morava no estado da Bahia e tinha ido à Brasília para curtir férias ao lado dos filho e do marido, Sidiclei Santana.

Publicidade

Algumas horas antes do incidente que tirou a vida da esposa, Sidiclei havia publicado em sua rede social algumas fotografias ao lado da família. Apesar de sua formação na faculdade de Serviços Sociais, Deysivânia trabalhava com venda de peça de carros ao lado do companheiro. A mulher morava na cidade de Barreiras, onde deverá acontecer seu sepultamento nesta terça-feira.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.