in

Mulher perde a vida após ritual religioso e filhos gritam clamando pela mãe; vídeo mostra tudo

Uma pessoa que estava presenciando a celebração gravava um vídeo no momento do ato.

Debate/nuevasoaxaca/Montagem

Uma mulher de 40 anos acabou indo a óbito recentemente após se afogar em um rio. De acordo com a mídia russa, a vítima havia pulado na água para ser submetida a um ritual de cunho religioso comum em seu país.

Publicidade

A mulher, que era advogada, foi identificada como Anna Uskova e estava no ritual da celebração da Epifania Ortodoxa, que acredita que a água muito gelada possui propriedades capazes de trazer a cura para as pessoas.

Ao que se sabe, Anna estava com os filhos e com o marido durante a celebração, que aconteceu no rio Oredezh, nas proximidades de Vyra, uma vila ao sul de São Petersburgo. Eles presenciaram todo o evento e a tragédia.

Publicidade

Após pular no buraco de gelo no rio, Anna desapareceu, pois, acabou sendo carregada pela correnteza. Enquanto isso, os dois filhos da mulher gritavam desesperadamente pela mãe, que não conseguiu voltar para cima.

Publicidade

Yury, que é empresário e marido da vítima, fez de tudo para tentar salvar sua companheira, mas não conseguiu. Em um vídeo que circula em alguns portais de notícias, é possível ver que Anna faz um sinal da cruz antes de pular no lago congelado.

Publicidade

A celebração é bastante comum na Rússia. Alguns indivíduos entram na água por conta própria e outro se organizam em rituais religiosos em memória ao batismo de Jesus no Jordão. Segundo informações, Anna pulou no gelo quando a temperatura estava em torno de -5°C.

No momento em que entrou na água, a vítima estava vestindo apenas um maiô preto, como mostram as imagens que circulam na internet.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.