in

Casal que estava em Capitólio com filha de nove meses desabafa: ‘Era para ser a gente’

Os bombeiros continuam fazendo buscas para tentar encontrar outras vítimas.

OGlobo/Matropoles/Montagem

No último sábado (08/01), uma verdadeira tragédia deixou o Brasil inteiro em choque. Acontece que uma parte dos cânions de Capitólio, em Minas Gerais, acabou despencando sobre algumas lanchas de passeio que estavam no local no momento do incidente.

Publicidade

Desde o episódio, a equipe dos bombeiros deram início às buscas pelos desaparecidos. Até o momento, o número de pessoas que não conseguiram resistir à tragédia está em oito, enquanto duas continuam desaparecidas.

Um casal que havia visitando o Capitólio recentemente falou sobre o ocorrido. Rafael Evaristo Ferreira dos Santos, que é dentista, de 35 anos, e sua companheira Karina Roczanski, de 28, são residentes de Indaial e estavam curtindo as férias com a filha de nove meses, Isis.

Publicidade

A família esteve no Capitólio durante o período da manhã do dia anterior ao do acidente, mas decidiram adiar o passeio de lancha por causa das fortes chuvas que estão ocorrendo na cidade nos últimos dias.

Publicidade

Rafael e a família quase adiaram o momento de lazer para a hora em que o acidente aconteceu. O casal agora está em choque por pensar que poderiam estar entre as vítimas da tragédia: “Falei bem veementemente para ela que se fosse no outro dia não iria mais porque lá ficava longe do hotel. Foi uma coisa de Deus. A gente ainda não está acreditando porque era para ser a gente”, diz Karina.

Publicidade

As buscas pelos possíveis sobreviventes continuam sendo feitas pelo Corpo de Bombeiros. Novas informações sobre o trágico incidente podem ser divulgadas a qualquer momento pelas autoridades competentes.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.