in

Mãe de copiloto diz que não desistirá de encontrar filho; ele foi vítima de acidente de avião e desapareceu

O acidente deixou, entre SP e Rio, uma vítima fatal e dois tripulantes desaparecidos.

ARQUIVO PESSOAL JOSÉ PORFÍRIO DE BRITO JÚNIOR / REPRODUÇÃO BAND

No último dia 25 de novembro, um avião de pequeno porte acabou caindo com três tripulantes. A aeronave perdeu o controle entre a região de Ubatuba, no Litoral Norte de São Paulo, e Paraty, no estado do Rio de Janeiro.

Publicidade

Uma das pessoas que estavam a bordo do avião era o copiloto José Porfírio Brito Júnior, de 20 anos, que ajudava o comandante da aeronave no dia que em ela foi ao chão. O jovem encontra-se desaparecido desde então.

Desde o sumiço do filho após o acidente, a mãe de José Porfírio tem se manifestado através de sua rede social. Ela tem feito apelos de orações para que o copiloto seja encontrado e demonstra fé que os momentos de terror que está passando vão terminar.

Publicidade

No último final de semana, Ana Regina Agostinho, mãe de José, se fez presente mais uma vez em seu perfil. A mulher agradeceu as diversas mensagens positivas que vem recebendo desde o desaparecimento do filho.

Publicidade

Ana Regina ainda disse que não pretende desistir de procurar pelo copiloto: “Uma mãe nunca desiste de seu filho. Uma hora a gente vai se encontrar e essa hora não é minha hora. Nós vamos continuar nas buscas em volta das ilhas, que são tantas“.

Publicidade

A equipe do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro declarou que as buscas pelos desaparecidos do acidente serão ser prolongadas por somente mais duas semanas. A declaração dos profissionais foi feita no último dia 9 de dezembro.

Dias depois do acidente, o Corpo de Bombeiros, que realizava buscas na região onde o episódio aconteceu, encontrou o corpo de Gustavo Carneiro. O piloto era o responsável por conduzir a aeronave no dia em questão.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.