in

Professor de medicina faz comentário polêmico sobre abuso às alunas: ‘Vai levar KY ou prefere no seco?’

Durante aula, professor foi flagrado fazendo comentário invasivo durante aula prática de medicina.

(Reprodução/Twitter)

Durante uma aula prática, ao que parece de intubação de pacientes em um curso de medicina, uma situação bastante polêmica tomou conta da internet nos últimos dias. Publicado na última quinta-feira (25), no Twitter, um vídeo da aula do curso chamou a atenção dos usuários da rede social e tomou proporções imensas na última hora.

Publicidade

Nas imagens, o professor é flagrado tecendo um comentário bastante invasivo enquanto orienta a correta introdução de um tubo em um boneco utilizado para simular um paciente. “Quando for estuprada, vai levar KY ou prefere no seco?”, questionou o professor, o que imediatamente chocou as alunas presentes na aula.

O vídeo foi publicado no Twitter e rapidamente se espalhou por outras redes sociais. Outros usuários, inclusive, relataram problemas com o mesmo professor em outras oportunidades.

Publicidade

Vídeo de professor de medicina choca usuários de rede social

O professor, que dá aulas no Centro Universitário Metropolitano da Amazônia (UNIFAMAZ), é de Belém, capital do estado do Pará. No momento em que ensinava a correta maneira de introduzir o tubo em uma simulado, ele pergunta se a aluna utilizou o lubrificante na peça de intubação. Quando a mesma diz que não, ele faz a pergunta invasiva. 

Publicidade

Em nota, a Unifamaz informou que já tomou as medidas cabíveis e reforçou o seu compromisso com o ensino de qualidade. “Dessa forma, repudia veemente qualquer prática inadequada na relação acadêmica professor-aluno”, destacou a instituição de ensino. No comunicado, porém, não foi informado se o professor seguirá lecionando na universidade.

Publicidade

Publicidade