in

Paulo Guedes tem medo de ser agredido no supermercado, diz colunista

O atual ministro da economia teria afirmado que ala política quer colocar nele a culpa por todos os problemas do país.

Uol

O economista Paulo Guedes é ministro da economia no Brasil desde o início do mandato do atual presidente, Jair Messias Bolsonaro, mas parece que a situação para ele no governo não está boa e alguns aliados apontaram que o ministro segue reclamando nos bastidores políticos de algumas posturas que estão sendo tomadas, visando sua demissão do cargo político.

Publicidade

Guedes afirma ter medo de ser agredido por populares no supermercado

Segundo informações do colunista Igor Gadelha, do Metrópoles, Guedes teria conversado com seus aliados a respeito do modo como alguns integrantes da ala política buscam colocar em sua conta todos os problemas econômicos do Brasil, incluindo os problemas que não eram ligados a economia.

Em razão disso, o ministro chegou a afirmar para alguns aliados que tinha medo de ser agredido por populares caso precisasse ir ao mercado, por exemplo. Com a pandemia, o preço dos alimentos estão cada dia mais altos, além disso, a alta no preço dos combustíveis nos postos de gasolina, tem causado insatisfação na população.

Publicidade

O discurso atual difere do discurso feito em março deste ano

Esse discurso está muito diferente do discurso que o ministro fez em março deste ano. Na ocasião, o economista garantiu que as pessoas agradeceriam ela em caso de encontro com populares em lojas e supermercados.

Publicidade

Os aliados afirmaram que Guedes desabafou dizendo que apesar dos ânimos terem se acalmado após a declaração de apoio feita pelo presidente Bolsonaro, o Congresso Nacional ainda estaria querendo a saída dele.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.