in

Nova live de Bolsonaro é apagada do YouTube; presidente corre risco de perder seu canal

Presidente Bolsonaro pode perder o seu canal na plataforma caso cometa três violações de regras dentro do prazo de 90 dias.

YouTube (reprodução amazonasatual)

O presidente da república Jair Bolsonaro (sem partido) teve mais uma de suas lives apagadas do YouTube. A nova transmissão ao vivo do líder do Executivo, que foi realizada na quinta-feira, 28, e repostada nos canais de Carlos Bolsonaro e Os Pingos nos Is, já não está mais disponível para os usuários da plataforma de vídeos.

Publicidade

Inicialmente, a live do chefe do Executivo foi divulgada por meio do perfil oficial de Bolsonaro no Facebook, mas, na publicação, um clique levava o usuário até o canal de Carlos Bolsonaro, onde a transmissão foi realizada. Além do canal de Carlos, o perfil Os Pingos nos Is também divulgou a transmissão ao vivo do presidente da República.

O YouTube não informou se os canais de Carlos Bolsonaro e o Os Pingos nos Is receberam alguma punição por terem publicado o conteúdo. Vale destacar que o presidente corre risco de perder o seu canal no YouTube permanentemente, caso cometa três violações das regras da plataforma em um período de até 90 dias.

Publicidade

A plataforma aplicou a primeira punição em Bolsonaro ao retirar do ar uma live, na qual o chefe do Executivo relatou ligação entre os imunizantes contra a Covid à Aids. Na ocasião, Bolsonaro ficou impedido de publicar novos conteúdos em seu canal, por uma semana. No entanto, de acordo com uma apuração do G1, a remoção do conteúdo do presidente do canal de terceiros não trará uma nova punição à conta de Bolsonaro.

Publicidade

Em um comunicado oficial, o YouTube afirmou que a live do presidente foi removida do canal de Carlos Bolsonaro e Os Pingos nos Is, porque violam uma das diretrizes da plataforma, que proíbe criadores de conteúdos de fazerem novas publicações enquanto estiverem com alguma restrição.

Publicidade

Publicidade