in

Bolsonaro abandona entrevista ao vivo após discussão com jornalista: ‘Acabou’

Chefe do Executivo participou de uma entrevista na Jovem Pan nesta quarta-feira (27) de forma online.

MARCOS CORRÊA/PR

Convidado do programa “Pânico”, da Jovem Pan, nesta quarta-feira (27), o presidente Jair Bolsonaro discutiu com o humorista André Marinho, filho do seu ex-aliado, o empresário Paulo Marinho.

Publicidade

Tudo começou após Marinho citar o episódio das supostas “rachadinhas”, indiretamente, questionando ao chefe do Executivo se “rachador” deve ir ou não para a cadeira. 

Em tom alterado, Bolsonaro afirmou que responde pelos seus atos como presidente da República, e falou para o humorista se recolher no jornalismo dele, e já ameaçou a deixar a entrevista caso a polêmica fosse mantida. 

Publicidade

Na sequência, André Marinho começou a discutir com o comentarista Adrilles Jorge, defensor do governo de Jair Bolsonaro, e disparou afirmando que o chefe do Executivo só responde questionamentos de bajuladores.

Publicidade

A tensão entre os dois aumentou significativamente e tudo foi para o ar. Em meio às trocas de farpas entre os funcionários da Jovem Pan, Bolsonaro se irritou, ameaçou deixar a entrevista algumas vezes, e diante da insistência, assim o fez.

Publicidade

“Se o Marinho entrar na tela mais uma vez, eu vou embora… Tá?”, disparou Bolsonaro, antes de se levantar, fato que ocorreu logo na sequência. “Acabou, acabou, acabou”, afirmou o chefe do Executivo. 

Bolsonaro x Marinho

O empresário Paulo Marinho foi um dos responsáveis por investir fortemente na candidatura de Bolsonaro nas Eleições de 2018, cedendo inclusive sua mansão no Rio de Janeiro como QG da campanha bolsonarista. 

Contudo, a boa relação acabou sendo rompida em maio do ano passado, quando o empresário revelou que o filho do chefe do Executivo, o senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), disse ter recebido informações importantes vindas da Polícia Federal sobre o assessor Fabrício Queiroz, no caso de esquema da “rachadinha”, no Rio de Janeiro.

Depois deste episódio, André Marinho já criticou Bolsonaro em diversas oportunidades, e inclusive faz a imitação do presidente na Pan há alguns meses.

Publicidade