in

Fim das máscaras? Rio de Janeiro já conta com 65% da população totalmente vacinada

Este é o percentual definido pela prefeitura para que máscaras deixem de ser obrigatórias; decisão depende da Alerj.

(Foto: Divulgação/ Pedreira)

O Rio de Janeiro conseguiu alcançar na noite de segunda-feira (25) a marca de 65% dos seus cidadãos completamente vacinados contra o vírus da Covid-19.

Publicidade

De acordo com o G1, o percentual de 65% foi o definido pela própria prefeitura para que não fosse mais obrigatório o uso de máscaras em áreas abertas. Em locais sem aglomeração as máscaras também já deixariam de ser obrigatórias.

Porém, desde o mês de junho, existe uma lei estadual que deixa como obrigatório o uso das máscaras. A Secretaria Municipal de Saúde informa que a medida mais restritiva é sempre a que prevalece, juridicamente falando, após uma definição do Supremo.

Publicidade

Vacinação no Rio – os próximos passos

A cidade do Rio de Janeiro vacinou 5,7 milhões com a primeira dose, 4,2 milhões com a segunda dose e pouco mais de 143 mil pessoas com a dose única. No total 620 mil pessoas já receberam a chamada terceira dose, de reforço.

Publicidade

Está marcada para a terça-feira (26) uma votação para a flexibilização das restrições no Rio de Janeiro. A Alerj deverá tomar a decisão que decidirá se as máscaras deixarão ou não de ser obrigatórias.

Publicidade

Se a Alerj aprovar o projeto, o governador Cláudio Castro poderá determinar por meio de decreto que os municípios tenham a autonomia de decidir o uso das máscaras.

O presidente da Alerj, André Ceciliano redigiu a proposta que recebeu seis emendas na última semana. Segundo ele, a Assembleia Legislativa segue a ciência e que o comitê de ciência do órgão conta com dois ex-ministros da saúde em sua composição. 

Vale lembrar que na segunda-feira (18), o prefeito Eduardo Paes liberou lotação total em cinemas, teatros, shoppings dentre outros. 

Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.