in

Honda anuncia possível fim da produção do sedan Civic no Brasil

A fabricante, caso oficialize a decisão, irá produzir o sedan em sua montadora no Japão, de onde o veículo poderá ser importado.

Reprodução: Instagram Honda

A Honda declarou que poderá encerrar a produção do Civic no Brasil, em novembro. Produzido no país há mais de 20 anos, o modelo recebeu o título do segundo sedan médio mais vendido, ficando atrás do Toyota Corolla. De acordo com a fabricante japonesa, o possível fim do sedan foi motivado pela alta demanda dos SUVs.

Publicidade

Toda a produção deverá ficar centralizada no Japão, e o novo City será o sedan principal da marca no Brasil. Com a saída do Civic, o rival Corolla terá livre mercado, contudo, apenas por alguns meses, tendo em vista que o novo Civic retorna ao mercado nacional como importado em 2022.

A fabricante aproveitou seu aniversário de 50 anos no Brasil para reorganizar seus produtos de acordo com a realidade de mercado. Vale ressaltar que a Honda já tinha declarado ter planos para o lançamento de três carros híbridos (combustão e eletricidade) no país até 2023. O primeiro modelo a ser disponibilizado será o sedan premium Accord, seguido da última geração do Civic em 2022, e, por fim, o SUV médio CR-V em 2023.

Publicidade

Apesar da novidade dentro do capô, o Civic importado poderá encontrar obstáculos nas vendas devido à grande probabilidade de ter seu custo elevado, refletindo diretamente em seu valor de revenda nas agências brasileiras, favorecendo o rival vendido pela Toyota.

Publicidade

É importante frisar que as vendas do Civic foram muito abaixo do esperado em 2021, e de acordo com a fabricante, só foram vendidas 14.007 unidades. As vendas comparadas com a Toyota, no veículo de mesma categoria, tiveram uma grande diferença, considerando que foram emplacadas mais de 30.000 unidades do Corolla.

Publicidade
Publicidade