in

Ministro confirma valor do Auxílio Brasil, que vai substituir o Bolsa Família mês que vem

O ministro da Cidadania, João Roma, confirmou o valor do benefício e destacou que os impactos da pandemia não estão passando.

Agência Brasil

O ministro João Roma, da Cidadania, confirmou o valor de R$ 300 por mês do Auxílio Brasil– programa social criado para substituir o Bolsa Família a partir de novembro deste ano. Segundo Roma, ao menos 17 milhões de brasileiros vão receber o benefício.

Publicidade

Vale lembrar que o novo benefício do governo supera o atual Bolsa Família tanto em número de beneficiários, quanto no valor médio pago por mês, isso tento em vista que o valor médio do programa Bolsa Família fica em R$ 190.

Ao comentar sobre o programa, João Roma destacou ser necessário muito cuidado e zelo na responsabilidade no quesito fiscal. E mais, o ministro ainda caracterizou o auxílio Brasil como uma evolução dos programas de renda no governo federal.

Publicidade

As fontes de recurso do programa seriam a PEC dos Precatórios e a Reforma do Imposto de Renda (IR). Vale destacar que por meio da PEC é pretendido a liberação de uma parcela de recursos dentro do teto para bancar o gasto maior.

Publicidade

Mesmo diante da notícia positiva a respeito do Auxílio Brasil, Roma destaca que a pandemia da Covid-19 está passando, mas os efeitos sociais causados pela doença não estão passando. Diante disso, o ministro ressalta ser natural que o estado dê essa resposta aos brasileiros.

Publicidade

Além de ajudar milhares de famílias carentes, o programa também deve estimular o ingresso no mercado de trabalho por meio do Sistema S, que inclui o Senac e o Sesc. Neste programa, segundo o ministro, eles estão viabilizando uma regra de permanência.

Vale destacar que o programa Bolsa Família foi criado no ano de 2003 para ajudar as famílias carentes do país.

Publicidade