in

Idosa morre no quintal de casa fazendo algo perigoso; todo cuidado é pouco

Mulher de 72 anos morreu carbonizada no quintal de casa no agreste de Pernambuco.

Pixabay

Uma idosa de 72 anos, que não teve a identidade revelada, morreu na cidade de Bom Jardim, agreste do estado de Pernambuco. A mulher morava na zona rural da cidade, em área cercada por árvores e outras plantas, e decidiu queimar lixo no quintal de casa.

Publicidade

O que parecia algo simples se transformou em uma grande tragédia. O fogo no lixo se alastrou para a vegetação do quintal. A mulher teria tentado apagar o incêndio que ela mesma causou, mas não conseguiu. O fogo atingiu a idosa e ela acabou morrendo.

A Polícia Civil do estado divulgou nota informando que a idosa de 72 anos faleceu no local. O caso foi registrado na delegacia da cidade. A causa da morte, registrada no boletim de ocorrência, é acidental. A própria mulher causou o incêndio que a matou.

Publicidade

O corpo da idosa foi levado ao Instituto Médico Legal localizado na região central da cidade do Recife, capital do estado, a 97 quilômetros de Bom Jardim. De lá seria liberado e encaminhado à família para a realização do velório e enterro. Não foram divulgadas informações sobre a família da vítima.

Publicidade

Todo cuidado é pouco

Oficiais do Corpo de Bombeiros costumam dizer que prevenir o incêndio é tão importante quanto saber apagá-los. Em locais secos, abertos e com vegetação, como era o quintal da idosa, o fogo se alastra com mais facilidade e fica difícil controlá-lo. É muito importante evitar, de todas as maneiras, que um incêndio se inicie em um local como este. Também não é recomendável colocar fogo em lixo. Em muitas cidades brasileiras, essa atitude pode render multa e até prisão.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!