in

Covid-19: casos confirmados no Rio de Janeiro seguem em queda

Risco de transmissão é moderado em todo município.

© Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Pela terceira semana seguida, o risco de transmissão de covid-19 no município do Rio de Janeiro está moderado, com todas as áreas da cidade em amarelo. É o que aponta o 40º Boletim Epidemiológico Covid-19 do Rio, divulgado hoje (8) pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). A partir desde mês, a SMS fará entrevistas coletivas para apresentar os dados a cada duas semanas, no lugar de todas as sextas-feiras, como realizado desde janeiro.

Publicidade

O boletim mostra também que se mantém a tendência queda nos casos de covid-19 e nos atendimentos na rede de urgência e emergência por síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave (SRAG). Desde março de 2020, o município soma 486.607 casos de covid-19, com 34.260 óbitos.

Eventos-teste

Foram realizados até o momento nove eventos-teste autorizados pelo Instituto Municipal de Vigilância Sanitária (Ivisa). Para entrar nesses eventos, todos os participantes, tanto público como trabalhadores, precisam estar vacinados e com o teste negativo para a covid-19.

Publicidade

Segundo a SMS, nos três eventos-teste que já completaram o prazo de 14 dias para monitoramento do público presente, a taxa de incidência de casos de covid-19 é, no máximo, seis vezes menor do que a incidência da doença no município para o mesmo período analisado.

Publicidade

No jogo Flamengo e Grêmio, em 15 de setembro no Maracanã, entre os 7.652 torcedores testados, apenas 0,9% apresentou resultado positivo e não pôde ingressar no estádio. Após as duas semanas de acompanhamento do público, foram registrados dez casos suspeitos de covid-19 e um deles foi confirmado. Todos tiveram sintomas leves, quatro tinham completado seu esquema vacinal e seis tinham tomado apenas a primeira dose.

Publicidade

No jogo Vasco e Cruzeiro, em 19 de setembro em São Januário, 1,1% dos 549 torcedores testaram positivo e nenhum caso suspeito foi reportado durante os 14 dias seguintes.

Na partida entre Flamengo e Barcelona de Guayaquil, em 22 de setembro no Maracanã, entre os 26.478 torcedores, 0,2% do público testou positivo. O monitoramento identificou 25 casos suspeitos e nove confirmados para a covid-19, todas com sintomas leves e 47% tinham o esquema vacinal completo.

Vacinação

Os painéis de vacinação no município indicam que 85,7% da população total do município já receberam a primeira dose da vacina contra a covid-19 e que 57,6% completaram o esquema vacinal com as duas doses da CoronaVac/Butantan, AstraZeneca/Fiocruz ou Pfizer/Biontech ou a dose única da Jansen.

Entre a população alvo, a partir dos 12 anos, 99,2% receberam a primeira dose e 67,3% estão com a imunização completa. A dose de reforço nos idosos e em pessoas com alto grau de imunossupressão foi aplicada em 262.785 pessoas.

Esta semana, a SMS acelerou a aplicação da dose de reforço e vacina hoje as pessoas de 72 e 71 anos. Amanhã, a repescagem é para quem tem 71 anos ou mais.


Publicado em 08/10/2021 – 12:11 Por Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro


Edição: Valéria Aguiar

Publicidade
Publicidade

Escrito por Agência Brasil

Agência pública de notícias da EBC. Informações sobre política, economia, educação, direitos humanos e outros assuntos.