in

Ginecologista vai preso por suspeitas de crimes contra pacientes: 50 mulheres denunciaram

Profissional de saúde foi preso na semana passada e dezenas de denúncias foram feitas desde então.

Divulgação Polícia Civil

Nicodemos Júnior Estanislau Morais, de 41 anos, atuava como ginecologista em Goiás. Na quarta-feira (29), ele foi detido em um dos consultórios onde trabalhava, na cidade de Anápolis. A Polícia Civil recebeu denúncias contra o profissional de saúde, investigou o caso e conseguiu autorização da Justiça para prendê-lo.

Publicidade

A delegada Isabella Joy está à frente do caso. A primeira denúncia foi feita no dia 15 de setembro. Após a prisão do médico, outras mulheres procuraram a polícia e foi criada uma força-tarefa para atendê-las. Até quinta-feira, dia seguinte à prisão de Nicodemos, a Polícia Civil havia recebido mais de 50 denúncias de mulheres.

No sábado, a delegada responsável pelas investigações contabilizava 48 depoimentos de supostas vítimas. Os abusos teriam sido sofridos por pacientes que foram atendidas pelo médico em Goiás. Nicodemos usaria a consulta para tocar de forma libidinosa nas pacientes.

Publicidade

Defesa do médico se manifesta

A defesa de Nicodemos Júnior é feita pelo advogado Carlos Eduardo Gonçalves Martins. Por meio de nota, Martins afirmou que seu cliente nunca cometeu abusos contra as pacientes. A defesa também informou que teve acesso a apenas algumas peças do inquérito que está conduzido pela delegada Izabella Joy.

Publicidade

Segundo a defesa, Nicodemos não realizou nenhum procedimento com cunho sexual. Martins ainda diz que pacientes teriam entrado em contato com familiares do médico se colocando a disposição para depor a favor dele. Ainda segundo a defesa, o médico estaria tranquilo com a investigação.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!