in

Aeronave colide contra um prédio, na Itália; todos a bordo morreram, entre eles, uma criança

O avião havia decolado de Milão e colidiu com o prédio vazio antes de alcançar seu destino, na Ilha de Sardenha.

The Mirror

Oito pessoas morreram após um avião de pequeno porte colidir contra um prédio de dois andares nos arredores de Milão, na Itália, neste domingo (3). No avião estavam seis passageiros e dois integrantes da tripulação. Todos morreram. O prédio atingido estava vazio.

Publicidade

Um dos passageiros era apenas uma criança. Até o momento, o corpo de bombeiros local ainda não conseguiu identificar as nacionalidades das pessoas que estavam a bordo.

A aeronave havia decolado de Milão, do aeroporto Linate, e tinha como destino final a Ilha de Sardenha. Após a colisão, uma densa nuvem de fumaça se espalhou pelo local dificultando ainda mais os trabalhos dos bombeiros em busca dos corpos das vítimas e até mesmo de possíveis sobreviventes do acidente.

Publicidade

Fora os passageiros e a tripulação, até o momento, não se tem notícias de outras vítimas, uma vez que o prédio passava por uma reforma e, por conta disso, estava vazio.

Publicidade

Susto em Milão

O acidente deste domingo (3) acontece há quase dois meses de outro incidente envolvendo aeronaves em Milão. Em 17 de agosto, o segundo maior cargueiro do mundo em capacidade de carga, um Antonov NA-124, acabou encostando a cauda na pista no decorrer da manobra de pouso.

Publicidade

Ao chegar no Aeroporto de Milão-Malpensa, o cargueiro, que havia saído de Nakala, em Moçambique, com destino a Milão, na Itália, acabou sofrendo o que é conhecido entre os pilotos como tail strike, quando a aeronave acaba encostando a extremidade traseira no solo.

Apesar do susto, ninguém se feriu e a aeronave seguiu normalmente o roteiro previsto pela equipe do aeroporto.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.