in

Mãe da jovem morta por amigos em Goiânia desabafa: ‘Perdi 15 quilos em um mês’

A jovem informou que sairia para lanchar com um grupo de amigos, contudo, foi assassinada pelos mesmos.

ARQUIVO PESSOAL/ELIANE LAUREANO

Um caso de assassinato na cidade de Goiânia chocou todo o Brasil. Ariane Laureano  informou a sua mãe, Eliane Laureano, que sairia para lanchar com um grupo de amigos, entretanto, a menina não retornou para a casa. O caso ocorreu no dia 24 de agosto e apenas sete dias depois do crime que as autoridades conseguiram localizar o corpo de Ariane.

Publicidade

Eliane declarou que sua filha nunca se envolveu em qualquer tipo de brigas e que Ariane era uma menina muito doce. A mãe também desabafou dizendo que é mãe solteira e que sua filha era a sua melhor amiga.

Eu estou dormindo à base de remédios, não sinto fome e perdi 15 quilos em um mês, tenho tido ansiedade e crises de pânico. Não consegui entrar no quarto da minha filha ainda. Estou destruída“, declarou Eliane.

Publicidade

O sofrimento da mãe é ainda maior, pois não foi possível realizar um velório e um enterro digno para a sua filha devido ao estado de decomposição avançado do corpo. Eliane afirmou que está tentando programar uma singela homenagem para a sua filha. De acordo com ela, a homenagem será feita através de uma oração.

Publicidade

A cabeleira disse que alguns dos envolvidos no assassinato de sua filha enviaram mensagens demonstrando preocupação com seu estado de saúde e seu estado emocional. Contudo, Eliane acredita que toda essa preocupação apenas tinha o intuito de desviar as investigações.

Publicidade

O grupo de jovens havia planejado o homicídio de Ariane e cada participante teve uma atuação crucial na execução do crime. De acordo como delegado do caso, Marcos Gomes os jovens teriam justificado o crime por um suposto assédio de Ariane, mas esta linha de investigação não deve ir adiante, pois a motivação seria outra.

Publicidade
Publicidade