in

Auxílio Emergencial: pagamento da 6ª parcela para o público geral começa na terça (21); quem recebe?

Beneficiários do Bolsa Família já começaram a ser contemplados nesta sexta-feira (17).

Marcelo Camargo/Agência Brasil

Alento dos brasileiros em tempos de crise por conta da pandemia do coronavírus, o Auxílio Emergencial terá o início do cronograma de depósitos do pagamento da 6ª parcela a partir da próxima terça-feira (21), quando a Caixa Econômica Federal (CEF) começará a pagar a penúltima cota prevista pelo governo.

Publicidade

Os primeiros beneficiários que serão atendidos são os nascidos em janeiro. O calendário seguirá uma linha quase que diária dos pagamentos, tendo como base o mês de nascimento de cada brasileiro. A previsão do banco é concluir os pagamentos desta parcela até o dia 3 de outubro, quando pessoas nascidas em dezembro serão contempladas. O cronograma de saques e transferências segue sendo diferenciado. 

Bolsa Família

Para os beneficiários que integram o programa Bolsa Família, o cronograma de pagamentos da sexta cota teve pontapé inicial na última sexta-feira (17), com pessoas do Número de Inscrição Social (NIS) dígito final 1 sendo contemplados. Diferentemente do público em geral, este grupo já recebe a cota em espécie. Os valores oscilam entre R$ 150 a R$ 375, tendo como base o perfil familiar de cada beneficiário.

Publicidade

Nova prorrogação?

Há algumas semanas, o governo revelou que o Auxílio Emergencial seria descontinuado, e que o programa intitulado de Auxílio Brasil seria lançado com a missão de substituir o Bolsa Família. 

Publicidade

A previsão de lançamento do novo benefício era para novembro. Contudo, a ala econômica do governo federal já admite a possibilidade de um possível adiamento do programa, que poderia impactar em uma nova prorrogação do Auxílio Emergencial. Segundo o Ministro da pasta, Paulo Guedes, a hipótese não está descartada.

Publicidade
Publicidade
Publicidade