in

Aos prantos, mulher faz vídeo com cachorro morto após ir à pet shop: ‘era meu filho’

Mulher deixou cachorro para tomar banho e ao buscar recebeu o cão morto.

Metrópoles

Uma mulher fez um vídeo visivelmente emocionada e publicou nas redes sociais nesta última quarta-feira (15). A tutora de um cachorro desabafou depois do seu animal morrer durante um procedimento em um pet shop do Distrito Federal. Larissa Marques de Carvalho, de 34 anos de idade, deixou o animal na clínica para banho e tosa, mas quando chegou para apanhá-lo teve a pior das surpresas.

Publicidade

Quando a tutora voltou no pet shop para buscar o animal, da raça Spitz, ele estava morto. Esse caso aconteceu na clínica Personal Dog, que fica na Asa Norte do Distrito Federal. Foi aberto um boletim de ocorrência para o caso, que foi registrado na Polícia Civil do Distrito Federal.

A mulher disse que o cachorro, chamado Flock, era como se fosse um filho para ela. O animal tinha 1 ano e 4 meses e não possuía nenhuma doença pré-existente, segundo a dona. “Ele era meu filho. Minha vida. Meu tudo. Eles tiraram minha vida. Ele era super carinhoso. Nossa, meu Deus! Ele me beijava o dia inteiro”, disse a mulher visivelmente emocionada durante uma entrevista ao portal Metrópoles.

Publicidade

No dia do fatídico incidente, Larissa conta que recebeu uma ligação da clínica dizendo que aconteceu uma “intercorrência” com o cachorro. Ela conta que saiu correndo e ao chegar no pet shop ficou sabendo que estavam tentando reanimar o cãozinho há duas horas, mas não tinham ligado antes, ou deram a oportunidade de ela levar ele para atendimento em outro local.

Publicidade

A tutora disse que essa não foi a atitude correta da clínica que segundo ela, foram negligentes e insensíveis, pois lhe entregaram o animal como se fosse um objeto. Ela levava Flock para atendimento em outra unidade, mas começou a levar nessa loja por insatisfação do atendimento anterior.

Publicidade

Eu vou pedir reparação. Quero justiça e que ninguém passe pela dor que estou passando, porque é ruim demais. É terrível”, desabafou ela no vídeo, no qual ela compartilha a sua dor de perder seu cão.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Nado Calegari

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 10 anos, trabalho também como redator há cerca de 4 anos, o que fez despertar uma nova paixão e hoje também sou graduado em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .