in

Bolsonaro conversa com Moraes, escreve carta com ajuda de Temer e decisão repercute

Presidente escreveu ‘Declaração à Nação’ para acalmar ânimos após 7 de Setembro.

Marcos Corrêa / PR

Jair Bolsonaro (sem partido) parece ter retrocedido nas declarações que deu durante manifestação ocorrida na Avenida Paulista, em São Paulo, na terça-feira (7), Dia da Independência. Nesta quinta-feira, o presidente divulgou “Declaração à Nação” e abaixou o tom em relação às críticas ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Publicidade

A carta escrita por Bolsonaro foi redigida com auxílio do ex-presidente Michel Temer. Antes de escrever a declaração, Bolsonaro telefonou para Alexandre de Moraes. O ministro foi indicado ao Supremo por Temer, em 2018. A carta está repercutindo nas redes sociais.

Bolsonaro diz que nunca teve a intenção de agredir os outros poderes da República. Ele, na condição da presidente, é chefe do Executivo. Há ainda os poderes Legislativo e Judiciário. Bolsonaro também afirmou que quem está na vida pública não tem o direito de esticar a corda.

Publicidade

O presidente atribuiu às críticas que fez a Moraes na Avenida Paulista, quando citou o ministro nominalmente, ao calor do momento. Bolsonaro também disse que há divergências naturais com Alexandre de Moraes, a quem chamou de “jurista e professor”.

Publicidade

Publicidade

Declarações de Bolsonaro repercutem

A carta escrita por Bolsonaro está repercutindo nas redes sociais. Internautas estão divididos quanto ao teor. Há bolsonaristas que estão criticando a atitude do presidente dias depois de milhares de apoiadores irem às ruas, especialmente, contra o STF. Em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro e Belo Horizonte havia cartazes contra o Supremo. A declaração de Bolsonaro está entre os assuntos mais comentados do Twitter.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!