in

Enfermeira de 37 anos morre de Covid-19 sem conhecer filha recém-nascida; ela tinha medo da vacina

A criança passa bem e continua recebendo cuidados médicos na Unidade Neonatal.

Yahoo/Montagem

O número de acometidos pela Covid-19, provocada pelo coronavírus, aumenta diariamente em quase todos os países. Além disso, muitas são as mortes em decorrência da enfermidade, que é de fácil contágio.

Publicidade

Entre as vítimas mais recentes do coronavírus está uma enfermeira de 37 anos. Davy Macias era moradora de uma cidade ao sul da Califórnia, nos Estados Unidos, e faleceu sem poder conhecer sua filha recém-nascida.

Davy e seu marido, Daniel Macias, foram diagnosticados com a variante Delta da Covid-19 em julho deste ano, após realizarem uma viagem de férias em família com os quatro filhos do casal, de dois, três, cinco e sete anos.

Publicidade

Cerca de uma semana após o retorno das férias, Davy começou a ter os sintomas, sendo hospitalizada. Grávida de sete meses do quinto filho, a enfermeira, que trabalhava na ala de partos do hospital, estava hesitante em receber a vacina contra o coronavírus.

Publicidade

Internada, Davy compartilhou uma publicação em uma rede social com um agradecimento e lamentando não poder estar com a família por causa da doença: “Obrigado a todos que conheceram nosso status e ajudaram ao longo do caminho. Estes últimos dias foram especialmente difíceis de não ver meus filhos“, disse.

Publicidade

Dias depois, Davy entrou em trabalho de parto e trouxe ao mundo sua filha, cerca de seis semanas antes do previsto. Felizmente, a criança que ainda não tem nome conseguiu sobreviver e passa bem, segundo a mídia local. A menina está recebendo cuidados na Unidade Intensiva Neonatal do hospital.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.