in

Você tem essas bolinhas ao redor do pescoço ou axilas? O que é, como aparece e quando deve se preocupar

As bolinhas costuma aparecer ao redor do pescoço, axilias e também na região da virilha.

Conexão Amazônia

Provavelmente você já se deparou com aquelas bolinhas que costuma aparecer em volta do pescoço de algumas pessoas. A verdade é que o problema é algo muito comum e tem nome: acrocórdon. A condição aparece principalmente na região do pescoço, virilha e axilas; e também pode surgir abaixo dos seios. Elas têm um formato pendiculado, podendo ser um pouco mais escuras que a pele.

Publicidade

É preciso me preocupar com essa condição?

Pode parecer um pouco assustador, mas se você tem esse tipo de lesão na pele não é necessário se preocupar. Essas bolinhas não apresentam nenhum sintoma e não provocam nenhum dano ao organismo. Contudo, vale ressaltar que essas bolinhas podem ser indício de algum outro problema de saúde, como resistência à insulina. Portanto, é necessário ter atenção com o seu aparecimento.

O que são essas bolinhas?

Diferente do que muitos imaginam, essas bolinhas não são verrugas. A sua formação é composta por um tecido igual ao da pele, ou seja, tecido conjuntivo, epiderme, tecido adiposo em alguns casos e também vasos. A condição vai aparecendo de forma natural, conforme o avanço da idade, sendo mais comum depois dos 40 anos. Pode-se destacar que existe um fator genético e algumas famílias têm uma incidência maior do problema.

Publicidade

É possível retirar em casa?

A resposta é não. Em algumas situações elas costumam desaparecer sozinhas, mas, se elas virarem um incômodo, é possível fazer a retirada. O procedimento deve ser feito por um médico. Com o uso de uma lâmina delicada, o profissional faz o procedimento de forma adequada com o uso de uma anestesia local ou creme anestésico.

Publicidade

Retirar de forma caseira não é aconselhável, pois pode acabar trazendo sérios transtornos ao paciente. Por isso, busque ajuda profissional, pois somente o médico pode diagnosticar corretamente e prescrever o melhor tratamento para cada caso.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade