in

Defesa de Jairinho pede sua liberdade: ‘Trabalhar como médico’

O pedido será julgado e o vereador cassado pode ser liberto para praticar medicina.

Isto é

A morte do menino Henry Borel chocou todo o Brasil no início do ano. O padrasto da criança Jairo Souza Santos Júnior, o Dr. Jairinho e a mãe do menino, Monique medeiros continuam presos pela morte da criança. Mas a defesa do médico e vereador cassado está pedindo na Justiça a liberdade do réu para ele trabalhar como médico.

Publicidade

Dr. Jairinho pode ser solto para praticar a medicina

O pedido de liberdade foi solicitado no Tribunal de Justiça, a defesa do réu aponta que ele não possui mais influência política, sendo assim, não existiria justificativa para manter o encarceramento do médico.

A prisão de Dr. Jairinho e Monique Medeiros aconteceu em abril deste ano. Os dois foram indiciados pelo Ministério Público por crimes como tortura e homicídio duplamente qualificado com emprego de tortura.

Publicidade

Advogado o descreve como carismático e amigo

O advogado Braz Sant’Anna, que defende Jairinho nesse processo garantiu que se o médico for solto, continuará morando em Bangu, zona oeste do Rio de Janeiro. Além de firmar residência no local, o vereador cassado também passará a exercer a profissão de médico, de acordo com sua formação. Segundo o advogado, Jairo Souza Santos Júnior ainda não havia exercido o direito a medicina, pois, após sua formatura, optou por seguir a carreira política.

Publicidade

O pedido de liberdade está nas mãos da desembargadora Rosa Helena Penna Macedo Guita, que deverá tomar a decisão com base nas diretrizes do direito. Segundo a defesa de Dr. Jairinho ele é descrito como alguém carismático, sincero e amigo, que nunca deixou de ouvir e estender a mão para quem precisasse.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.