in

Pai de menino que morreu após ser esquecido por babá no carro desabafa: ‘coração arrebentado’

Fabrício Lucas afirmou que espera ser consolado por Deus após morte do filho de 2 anos.

Arquivo pessoal Família Santos

Arthur Oliveira dos Santos é o menino de 2 anos que morreu após ficar três horas dentro de um carro fechado na cidade de Bauru, interior de São Paulo. A fatalidade foi registrada nesta semana. Arthur foi esquecido no veículo pela babá, Gláucia Aparecia Luiz, de 35. A mulher cuidava de 18 crianças e contava com a ajuda da filha, de 16.

Publicidade

Glaucia foi presa acusada de homicídio com dolo eventual. O caso é mais um daqueles em que uma criança é deixada dentro do carro sem que o adulto perceba. Sob um sol de 36 graus, Arthur não resistiu e morreu por sufocamente e desidratação.

O carro estava estacionado na frente da creche. Segundo a polícia, o local é clandestino. Fabrício Lucas, pai de Arthur, falou sobre o caso em entrevista ao R7. O homem mostrou muita tristeza, mas não culpa a cuidadora pelo ocorrido. Segundo ele, a família tinha confiança na creche.

Publicidade

Pai diz que está com o coração arrebentado pela morte do filho

Publicidade

Arthur gostava muito de frequentar o local e chegava a chorar quando era a hora de ir embora. Segundo o pai, a cuidadora era uma pessoa de boa índole. “O Arthur nunca chegou em casa sujo ou com fome”, disse o pai, elogiando o local e a cuidadora.

Publicidade

Ao encontrar Arthur no carro, a mulher o levou para o hospital, mas o menino já chegou sem vida. Fabrício estava trabalhando quando recebeu a notícia e se dirigiu ao hospital. O pai classificou a morte do filho como dor imensurável e disse esperar que Deus conforte seus corações. “De verdade, estou com o coração arrebentado”, afirmou.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!