in

São Paulo bate novo recorde de vacinas aplicadas em um único dia

Mais de 640 mil pessoas foram imunizadas; maioria tomou 1ª dose.

© Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Com 640,5 mil doses de vacina contra a covid-19 aplicadas ontem (10), o governo de São Paulo bateu um novo recorde. O recorde anterior havia sido registrado no dia 21 de julho, quando o Vacinômetro apontou 619.249 doses aplicadas nos 645 municípios paulistas.

Publicidade

Segundo o governo paulista, das 640, 5 mil doses aplicadas ontem, mais de 420 mil corresponderam à primeira dose do ciclo de imunização.

Até o momento, o estado já aplicou 41,3 milhões de doses de vacinas, sendo que 26,06% da população paulista já completou o esquema vacinal, ou seja, tomaram duas doses ou foram imunizados com a vacina Janssen, de dose única.

Publicidade

O governo de São Paulo espera concluir a vacinação de pessoas com idade superior a 18 anos até o dia 16 de agosto e então iniciar a vacinação de jovens e adolescentes com idades entre 12 e 17 anos.

Publicidade

Mais vacinas

Segundo o governador de São Paulo, João Doria, o Ministério da Saúde ainda não encaminhou ao estado as 228 mil doses da Pfizer/BioNTech a que o estado teria direito.

Publicidade

“O Ministério da Saúde não entregou as doses que prometeu enviar a São Paulo. O Ministério da saúde não cumpriu o acordo feito verbalmente comigo e com o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, feito pelo ministro Queiroga”, disse Doria hoje, em entrevista coletiva à imprensa.

Queda de casos

Com o avanço da campanha de vacinação, o estado de São Paulo vem registrando queda no número de casos, mortes e de internações por covid-19. Na semana passada, o estado registrou queda de 8,1% no número de casos, com média de 7.982 casos por dia, a média mais baixa do ano. Já as internações caíram 8% na semana passada em relação à anterior, com média diária de 999 internações, também a média mais baixa do ano. Em relação às mortes, a queda foi de 5,9%, com média de 240 mortes por dia.

O estado tem, neste momento, 4.720 internadas em unidades de terapia intensiva (UTI), número equivalente ao que registrava em maio do ano passado, pouco antes da primeira onda da pandemia. Além disso, há 4.458 pessoas internadas em enfermarias. A taxa de ocupação de leitos de UTIs está hoje em 45,6% no estado.


Publicado em 11/08/2021 – 15:40 Por Elaine Cruz – Repórter da Agência Brasil – São Paulo Atualizado em 11/08/2021 – 16:28


Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Agência Brasil

Agência pública de notícias da EBC. Informações sobre política, economia, educação, direitos humanos e outros assuntos.