in

Secretário de Saúde pede exoneração do cargo após xingar chef de cozinha de ‘vagabunda’

Fábio Vilas-Boas decidiu pedir exoneração do cargo horas depois do governo do estado se pronunciar sobre o ocorrido por meio de nota.

Reprodução/TV Bahia

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, pediu exoneração do seu cargo na terça-feira 3, isso dois dias após ter xingado a chef de cozinha Angeluci Figueiredo de “vagabunda”. A chef trabalha no restaurante Preta, tradicional na região. Fábio pediu a exoneração do cargo apenas algumas horas depois de o governo do Estado emitir uma nota comentando o episódio.

Publicidade

De acordo com a nota do governo do estado da Bahia, Fábio, que é cardiologista, entregou uma carta pedindo a exoneração do cargo e logo a solicitação foi aceita pelo governador Rui Costa.

Na sua carta, o médico chegou a agradecer a confiança de Rui Costa e ainda pediu desculpas pelos episódios envolvendo a chef de cozinha e empresária.

Publicidade

Fábio, que estava à frente da Secretária de Saúde da Bahia desde 2015, é graduado em medicina pela UFBA (Universidade Federal da Bahia).

Publicidade

Após o pedido de exoneração, o governo afirmou que o substituto do médico será anunciado já nos próximos dias.

Publicidade

Depois de o governo anunciar a saída de Fábio, o médico também usou as suas redes sociais para comunicar a entrega o cargo.

Na terça-feira, 3, o governo do Estado disse lamentar o episódio em que Fábio xingou a empresária. Além disso, eles também afirmaram que consideram inadmissível “qualquer tipo de agressão”, por isso, manifestou total solidariedade à Angeluci.

Também na terça-feira, o Jornal Correio da Bahia publicou um vídeo no qual o agora ex-secretário aparece pulando o portão do restaurante onde Angeluci trabalha.

Publicidade
Publicidade
Publicidade