in

Bolsonaro chama presidente da CPI da Covid de ‘Anta amazônica’ e ataca cúpula da comissão: ‘CPI dos três otários’

As ofensas foram proferidas pelo presidente da República durante encontro com apoiadores, na saída do Palácio da Alvorada.

Fábio Vieira/Metrópoles

Na manhã desta segunda-feira (19), durante uma conversa com simpatizantes de seu governo, o presidente da República Jair Bolsonaro atacou diretamente o senador Omar Aziz, presidente da CPI da Covid-19, que investiga irregularidades na gestão da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

Publicidade

Na ocasião, Bolsonaro chamou o senador de “anta amazônica” e, ao comentar a respeito das investigações conduzidas pela CPI acerca de irregularidades nos trâmites de negociação de compra das vacinas contra a Covid-19, negou a existência de corrupção dentro de seu governo.

“Pô, se tivesse corrupção, não ia ter vídeo”, afirmou o presidente sobre as acusações de corrupção na aquisição dos imunizantes.

Publicidade

O vídeo ao qual o presidente se refere veio à tona por meio das notícias da Folha de S. Paulo, e mostra uma possível negociação entre o, na época, ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e intermediários para a compra de 30 milhões de doses do imunizante Coronavac por um valor três vezes maior que o praticado pelo Instituto Butantan

Publicidade

Em nota, Pazuello afirmou que o vídeo mostra apenas o momento em que o mesmo teria ido cumprimentar representantes da empresa após uma reunião e que a negociação não teria sido concluída de forma positiva.

Publicidade

Após declarar que seu governo é isento de corrupção, Bolsonaro se dirigiu à pessoa de Aziz e o senador Renan Calheiros. Segundo Bolsonaro, Omar Aziz queria que as vacinas fossem compradas independente do preço cobrado e sem o aval da Anvisa.

Além disso, o presidente também citou Renildo Calheiros, irmão do senador Renan Calheiros, ao falar sobre uma emenda que previa a liberação para que estados e municípios pudessem adquirir vacinas sem a certificação da Anvisa. Na mesma fala, Bolsonaro aproveitou para atacar o presidente da CPI.

“Imagina se aprova isso, hein, Omar Aziz? Mais conhecido como anta amazônica”, afirmou Bolsonaro.

Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.