in

Mulher morre de Covid, deixa filha de 6 anos e dívida de R$ 200 mil em hospital: ‘Estamos devastados’

Eliete tinha 42 anos, ficou internada alguns dias e morreu em decorrência da Covid-19.

Arquivo pessoal Eliete Maia

Eliete Maia, de 42 anos, era professora e foi mais uma das vítimas da Covid-19 no Brasil. O país registra mais de 530 mil óbitos em decorrência da doença causada pelo coronavírus desde março do ano passado, quando a pandemia teve início. O Brasil é o segundo país do mundo em número de óbitos, atrás apenas dos Estados Unidos.

Publicidade

Eliete morreu na manhã desta terça-feira (13). A mulher teve os primeiros sintomas da doença no dia 21 de maio. O teste de farmácia que confirmou que ela estava com Covid foi realizado no dia 26. Quatro dias depois, Eliete foi internada com 90% do pulmão comprometido. Do hospital, ela não saiu mais.

Patrícia de Andrade Bonfim, sobrinha de Eliete, contou que a tia teve tosse, dor de cabeça, na garganta e no corpo antes de fazer o teste e constatar que estava com a doença causada pelo coronavírus. “Estamos devastados. Meu tio morreu no dia 8 e hoje (13) ela”, disse Patrícia ao G1.

Publicidade

O irmão de Eliete era o tenente da reserva Sebastião Maia de Andrade. Ele também morreu em decorrência da doença causada pelo coronavírus. Outros familiares também tiveram Covid. Eliete deixa uma filha de seis anos e dívida de R$ 200 mil, segundo a sobrinha, no hospital.

Publicidade

Os familiares chegaram a fazer uma vaquinha online para transferi-la para São Paulo por UTI aérea. Casa e carro foram colocados à venda. A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte do Acre emitiu nota lamentando a morte da professora de 42 anos. A nota dirigida à família enlutada de Eliete foi assinada pela secretária Socorro Neri.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!